Em reação ao anúncio do corte no orçamento destinado às universidades e institutos federais do país, estudantes e trabalhadores da educação de Inhambupe irão paralisar as atividades nesta quarta-feira (15). A mobilização, intitulada Greve Nacional da Educação, está prevista para ocorrer em todo o Brasil.

Os cortes efetuados no orçamento do Ministério da Educação (MEC) são cruciais. Os estudantes realizam grandes protestos pelo país afora contra o contingenciamento de R$ 2,2 bilhões na verba destinada às universidades e institutos federais.

Da educação básica ao ensino médio foram cortados R$ 2,4 bilhões. O que mostra o desprezo que esse desgoverno tem pela educação pública e o desrespeito para com o magistério.

Além do repudio aos cortes da educação, a paralisação também é contra a reforma da previdência.

As entidades de classes sindicais do município de Inhambupe, Sindserpi e a APLB, aderem ao manifesto.

Leia mais notícias em  RL News e siga nossa página no FacebookTwitter e G+
RL News, você vê primeiro aqui! / 

Post a Comment

Postagem Anterior Próxima Postagem