New York Times detona Bolsonaro e prevê: Brasil terá um ano fatídico


O The New York Times, maior jornal do mundo, criticou duramente, em editorial, as primeiras medidas de Jair Bolsonaro. "Mal Jair Bolsonaro tomou posse como presidente do Brasil, ele lançou uma série de decretos de extrema direita, minando as proteções ao meio ambiente, aos direitos indígenas sobre a terra e à comunidade LGBT, colocando organizações não-governamentais sob monitoramento do governo e removendo do governo os que não compartilham sua ideologia." 

De acordo com o texto, Bolsonaro marcou sua passagem pelo Congresso apenas por "insultos grosseiros a mulheres, minorias sexuais e negros" e lembrou ainda que ele se parece com Donald Trump, "que compartilha seus valores e sua arrogância".

"Muito dependerá da capacidade das instituições brasileiras para resistir ao seu ataque autocrático", aponta o texto. "Esse teste começa em fevereiro, quando o novo Congresso se reúne — o presidente comanda apenas uma coalizão instável de vários partidos, e ele deve a encontrar forte oposição a suas reformas." O jornal afirma ainda que "um ano fatídico começou para o Brasil".

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.