Header Ads

Cármen avisa a TRF-4 que Lula não pode ser preso

A presidente do Supremo Tribunal Federal (STF), ministra Cármen Lúcia, avisou ao Tribunal Regional Federal da 4ª Região que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva não poderia ser preso, mesmo após o julgamento ocorrido hoje (26) em Porto Alegre.
Os desembargadores recusaram de forma unânime os recursos apresentados pela defesa do petista e confirmaram a condenação a 12 anos e um mês de prisão pelos crimes de corrupção e lavagem de dinheiro no caso do triplex do Guarujá, no litoral de São Paulo.
Em ofício encaminhado ao presidente do TRF-4, Carlos Eduardo Thompson Flores Lenz, a ministra ressaltou que Lula ainda deve ser julgado no STF no dia 4 de abril, quando o Supremo vai analisar o pedido de habeas corpus preventivo.[metro1 - Foto reprodução/Internet]

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.